galego - espanhol
Esta manhá, mais de 60 pessoas concentrárom-se às portas dos julgados de Fontinhas em Compostela sob o berro unánime de "Nom som terroristas, som independentistas", "Brandám, Simom, Raúl, solidariedade" ou "A luita é o único caminho". Bandeiras da pátria e comunistas acompanhárom a convocatória que começou à volta das 9h30 da manhá, meia hora antes de ser chamados a julgamento os três jovens independentistas.
Achega-se a 24 horas o julgamento que decorrerá na capital compostelana contra os militantes independentistas Brandám, Simom e Raúl. Entrevistamos os dous primeiros, militantes de BRIGA na Marinha e o Baixo Minho.
Simom e Brandám som dous jovens de extremos geográficos opostos: o primeiro provém da Galiza meridional minhota, enquanto o segundo é natural da Galiza marinhá mais septentrional. Graças a BRIGA, à autoorganizaçom juvenil independentista, ambos conhecem-se e fam parte dum cativo setor da mocidade que, consciente da sua opressom, decide organizar-se para plantar cara aos inimigos do povo trabalhador. Som exemplos da Galiza viva que luita, que se reconhece de norte a sul como sujeito nacional de confronto contra o capital e o patriarcado.