BRIGA, organizaçom juvenil da esquerda independentista

Loja Virtual
Arquivo Gráfico
correio-e:
Compartilhar
Actualizada em
14/01/14
novas

BRIGA assina o manifesto “Galiza com a Venezuela chavista”

imagem

Dezembro 2013

BRIGA assina, junto a mais 12 entidades políticas, sociais e sindicais galegas, o manifesto promovido pola Associaçom Galega de Amizade com a Revoluçom Bolivariana, mostrando apoio às candidaturas bolivarianas do Gran Pólo Patriótico nas eleiçons municipais do vindouro 8 de dezembro.

Desde a Galiza, empunhamos os valores do internacionalismo e entendemos a importáncia destas eleiçons para a consolidaçom do processo bolivariano, que permita aprofundar nas importantes conquistas sociais, económicas, políticas e culturais que a Venezuela soberana mantém apesar das contínuas agressons do imperialismo e a oligarquia venezuelana pró-ianque.

A continuaçom, disponibilizamos o manifesto, que também pode ser consultado no recentemente renovado site da AGARB: http://agarb.wordpress.com/2013/12/05/galiza-com-a-venezuela-chavista/


GALIZA COM A VENEZUELA CHAVISTA

Vindouro domingo 8 de dezembro o povo da Venezuela está convocado a umhas novas eleiçons municipais.

Este processo eleitoral tem lugar oito meses após a vitória do movimento bolivariano e chavista nas eleiçons de abril, nas que Nicolás Maduro foi eleito Presidente da República Bolivariana.

Este período tem-se caraterizado por umha ofensiva permanente do imperialismo e da burguesia venezuelana contra a Revoluçom Bolivariana.

Mediante umha guerra económica que incentiva a especulacçom e o acaparamento, o desfornecimento de produtos de primeira necessidade, os sobrepreços e a malversaçom no uso das divisas, a direita pretende desestabilizar o Governo bolivariano.

Esta estratégia nom é nova, já foi ensaiada em 2002-2003 durante o fracasado paro económico e golpe petroleiro, e anteriromente com sucesso contra o governo de Salvador Allende da Unidade Popular chilena.

A vitória das candidaturas das forças políticas agrupadas no Grande Pólo Patriótico Simón Bolívar será fundamental para consolidar o processo, derrotar a direita e o imperialismo e avançar no aprofundamento da orientaçom socialista da Revoluçom Bolivariana.

As organizaçons e forças galegas abaixo assinantes consideramos imprescindível a continuaçom do processo revolucionário bolivariano na Venezuela para garantir e aprofundar nas conquistas sociais, económicas, políticas e culturais, e a permanência da soberania e da independência nacional da Venezuela frente ao imperialismo.

O êxito das candidaturas articuladas no GPP Simón Bolívar é a única garantia de evitar o retrocesso e a involuçom neoliberal e neocolonial das forças reacionárias.

Por este motivo, apelamos a comunidade galega que vive na Venezuela, assim como a comunidade venezuelana que reside na Galiza, para apoiar as candidaturas municipais bolivarianas e socialista nas eleiçons de 8 de dezembro.

Galiza, 5 de dezembro de 2013


Organizaçons assinantes:

Associaçom Galega de Amizade com a Revoluçom Bolivariana (AGARB)

AGIR, organizaçom do estudantado da esquerda independentista

Bloque Nacionalista Galego (BNG)

Central Obreira Galega (COG)

BRIGA, organizaçom juvenil da esquerda independentista

Federación Rural Galega (FRUGA)

Galiza Nova

Isca!

Mar de Lumes. Comité galego de solidariedade internacionalista

Movimento Continental Bolivariano (MCB) Capítulo Galiza

NÓS-Unidade Popular (NÓS-UP)

Partido Comunista do Povo Galego (PCPG)

Primeira Linha