BRIGA, organiza�om juvenil da esquerda independentista

Loja Virtual
Arquivo Gr�fico
correio-e:
Compartilhar
Actualizada em
14/01/14
novas

Juventude organizada prepara denúncia contra polícia espanhola

imagem

Agosto de 2010

Nos vindouros dias será formalizada a demanda judicial contra a polícia espanhola que interporam @s jovens brutalmente espancad@s na manifestaçom da VI Jornada de Rebeliom Juvenil convocada por BRIGA.

A denúncia girará em torno a violenta e desproporcionada actuaçom policial sob finalidade de impedir o exercício de um direito fundamental como é a liberdade de manifestaçom. Nestes momentos esta-se a ultimar a recolhida dos partes médicos que demostram a gravidade das lesons e toda a documentaçom audiovisual que verifica a injustificável decissom de dissolver pola força às/aos manifestantes, quando simplesmente pretendiam entrar na zona velha compostelana para fechar a mobilizaçom com a leitura do manifesto do 24 de Julho.

Cumpre destacar a responsabilidade política do sub-delegado do Governo espanhol na Corunha, José Manuel Pose, que mália ter constância da realizaçom de umha manifestaçom da esquerda independentista tenta primeiro coarctar-la, para de inmediato impedir a liberdade de expressom sob o mandato da utilizaçom da brutalidade policial.

A acostumada, desmedida e exagerada actuaçom policial conta nesta ocasiom com o contexto de estado de sítio no que se atopa a cidade de Compostela desde o começo do Ano Jacobeu, que em próprias palavras do sub-delegado tem como objectivo que “o independentismo nom tenha opçom de fazer nada”.

Idéntica linha pola qual ao longo do transcurso do concerto organizado por BRIGA houvo carrinhas da polícia que desde os pontos de acesso ao parque de Belvís centrárom as suas preocupaçons em intimidar às/aos jovens que se decidiam entrar com a falsa argumentaçom de que o concerto era ilegal, quando BRIGA contava, como em todas as ediçons anteriores, com a autorizaçom necessária para a sua realizaçom.

Dada a constataçom que se fai, mais umha vez, da falta de liberdades políticas na Galiza, a organizaçom juvenil BRIGA exige a demissom nom só do sub-delegado do Governo, José Manuel Pose, mas também do Delegado do Governo espanhol na Galiza, Antom Louro, por serem eles os responsáveis directos.

Ao mesmo tempo, aguardamos que esta demanda nom passe a ocupar o escuro recanto onde a justiça colaboricionista com o actual régime bourbónico arquiva todas as denúncias efectuadas polos sectores sociais mais conscientes e rebeldes.

[Arquivo gráfico: Violência policial]

FORA AS FORÇAS DE OCUPAÇOM!!