BRIGA, organiza�om juvenil da esquerda independentista

Loja Virtual
Arquivo Gr�fico
correio-e:
Compartilhar
Actualizada em
14/01/14
novas

Intensa actividade agitativa em Ponte Vedra remata com repressom policial

imagem

Especial Nom mais julgamentos a antimilitaristas

Janeiro de 2008

Arquivo grfico
As ruas da cidade do Lres tenhem sido cenrio de diversa actividade agitativa de BRIGA durante estas ltimas semanas, dentro da campanha em solidariedade com @s trs jovens antimilitaristas que serm juzgados o prximo 4 de Fevereiro.

Alm de numerosas colagens tenhem-se realizado mais de mdia dzia de murais e pintadas denunciando o atentado contra a liberdade de expressom que supom a petiom dum ano de prisom e mais de 2000 euros de multa a cada um/umha d@s jovens. Alm do mais, from penduradas faixas em pleno centro da cidade, com as legendas STOP juizos polticos, BRILAT fora!

Mas esta intensa actividade prontamente foi respostada polas foras policiis, sempre cumpridoras hora de repetir incansavelmente que este um pas livre enquanto identificam, intimidam, violentam e atacam a liberdade de expressom em todas as suas formas.

Assim, a noite do sbado trs jovens from identificados pola polcia local por estarem empregando um espao pblico para pendurar umha faixa, alegando que nom existia permisso da Cmara Municipal regida polo BNG. curioso que organizaons do sindicalismo amarelo como CCOO poidam empregar estes espaos sem sofrer represslias, enquanto jovens antimilitaristas som objecto de seguimentos e intimidaons policiis. Nesta mesma noite, um velho fascista, sargento das FA tentava retirar umha faixa, quando um grupo de jovens solidrios com @s repressaliad@s impedirom que o nostlgico do franquismo atingira o seu objectivo.

A tarde do Domingo foi despregada no estdio de futebol de Passarom umha nova faixa com o mesmo lema durante o jogo do Ponte Vedra CF e o Real Madrid B. Durante o descanso antes do segundo tempo, mdia dzia de polcias nacionis irrumpirom na bancada Norte, obrigando a dous/duas jovens que portavam a faixa a separa-se do resto, sendo identificados por trs da bancada para nom perturbar a ordem pblica. Entre empurrons e ameaas, um dos polcias permitiu-se afirmar ridiculamente que cada um pode pensar o que quiger enquanto um dos seus companheiros identificava aos jovens l presentes comentando que J vers a sanom que te vai cair, A mim nom me falas assim, Quem temos a autoridade aqui somos ns e se nom te inteiras pior para ti, etc.

Durante todo o processo, a claque Furya Granate manifestou continuas mostras de solidariedade, que culminrom no momento no que rematrom as identificaons, quando irrompeu com o coro BRILAT fora da Galiza

De BRIGA anunciamos desde j que a repressom nom vai impor-nos o silncio ante a arbitrariedade judiciria e a denncia das massacres do exrcito espanhol. Tambm queremos informar da boa acolhida que est a ter o manifesto de solidariedade, que ser apresentado a semana prxima.

Nem polcias nem juices poderm impedir que berremos nas ruas de Ponte Vedra bem alto e claro:
Exrcito espanhol fora da Galiza!
BRILAT fora!

Momento da identificaom no Estdio de Passarom

Momento da identificaom no Estdio de Passarom