BRIGA, organiza�om juvenil da esquerda independentista

Loja Virtual
Arquivo Gr�fico
correio-e:
Compartilhar
Actualizada em
14/01/14
novas

Adia-se mais umha vez o juizo e novo episódio de repressom

imagem

Especial Nom mais julgamentos a antimilitaristas

Fevereiro de 2008

Hoje tivo lugar um novo adiamento do juizo que enfrenta aos três jovens antimilitaristas contra a maquinária judiciária espanhola, que está disposta a saltar-se as suas próprias regras quando isso lhe facilita as cousas para ministrar castigos exemplares. Assim, ante a ausência de dous/duas d@s encausad@s, a procuradoria esigia o adiamento, enquanto o apoio social e a repercussom na rua se faziam patentes com umha concentraçom solidária que superou as trinta pessoas, num dia como a segunda de Entrudo a primeira hora da manhá.

Mas as mostras de solidariedade também som perseguidas nesta cidade dos passeios e da cultura esterilizada que é a Ponte Vedra que querem PSOE e BNG, como deixou patente a comisaria da polícia nacional espanhola. Enquanto vári@s jovens que assistiram à concentraçom desde outros pontos de País se dispunham a colher um comboio de volta, um dispositivo policial formado por duas carrinhas e três carros procedeu à identificaçom destes moç@s alegando "umha concentraçom nom comunicada", tomando-se o tempo necessário para que tod@s perdessem o comboio. Ante a indignaçom d@s identificad@s, a polícia respostou com empurrons, insultos e ameaças, especialmente um deles, especimem paradigmático da chularia policial que já participara nas identificaçons no estádio de Passarom de há umha semana.

Outra mostra da falta de liberdade nesta cidade do Léres, na Galiza e no Estado espanhol; outra evidência de que aquele/a que nom assuma o silêncio como parte da sua vida deve combater polo direito a falar alto e claro. E nós estamos dispost@s a fazê-lo. Nas ruas das nossas cidadades, nas praças onde nos reunimos, nos trabalhos precários que nos imponhem: Muito mais alto, e muito mais claro.