BRIGA, organiza�om juvenil da esquerda independentista

Loja Virtual
Arquivo Gr�fico
correio-e:
Compartilhar
Actualizada em
14/01/14
novas

Comissom Europeia contradiz previsons espanholas sobre o paro

imagem

Janeiro de 2009

A passada segunda-feira a Comissom Europeia pulverizou todos os recordes sobre a profundidade da actual crise sistmica, ao fixar no 16,1% o paro estatal para 2009, e no 18,7% para 2010. As calafriantes cifras falam por si prprias: @s trabalhadoras/es condenad@s missria pola crise em breve contarm-se por milions. Os prprios rgaos do capitalismo europeio nom podem fazer mais nada que assumir a realidade evidente, engadindo que a crise ser muito mais grave e prolongada na oitava economia mundial, que est no primeiro posto dos estados europeios mais afectados e com recessom econmica mais prolongada.

Bruxelas desautoriza assim as declaraons do executivo espanhol, cujas previsons nom ultrapassavam o 15,9% para este ano, baixando o seguinte a 15,7% e ao 14% em 2011. A evidente manipulaom informativa empregada polo ministrio de Pedro Solbes nom conseguiu disfarar as monstrosas conseqncias que o capitalismo especulativo espanhol provocou sobre tod@s ns.

Polo de agora se desconhecem as cifras galegas, mas com certeza venhem tempos dumha dureza que marcar a histria da exploraom da classe operria na Galiza. A situaom de dependncia nacional que padecemos, que acrescenta a exploraom laboral, cebar-se com maior virulncia na juventude e nas mulheres, como j est a acontecer.

dumha urgncia inapravel a organizaom da juventude nom s para combater a crise, mas a quem a provocou e agora quer pendurar-nos o morto.